vistos gold
Notícias

Vistos Gold atraem mediadoras imobiliárias

Após uma queda de 52% nos Vistos Gold, por conta dos problemas de credibilidade do programa, mediadoras veem oportunidade de investimento. A famosa Autorização de Residência para a atividade de Investimento (ARI), conhecida pelo nome popular, ainda gera polémica quanto às oportunidades de negócio, mas é vista como uma saída à crise do setor.

Tanto a ERA Portugal, quanto a Remax estão em busca do mercado dos vistos estratégicos, cujos grandes investimentos costumam ser em Lisboa e Cascais. Sintra e Porto figuram entre os destinos de interesse de investidores internacionais igualmente.

As empresas imobiliárias estão convencidas de que, com as alterações implementadas recentemente pelo governo ao programa, a procura neste segmento poderá expandir-se. Em outras zonas do país é possível ter acesso ao Visto Gold com um investimento menor, favorecendo pequenos investidores.

De acordo com os dados divulgados hoje pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), o investimento captado através dos Vistos Gold caiu 45,8 milhões de euros só no mês de maio. “Os Vistos Gold desempenham um papel importante nas transações por via do volume de comissões imobiliárias que geram, mais do que pelo número de vendas realizadas”, explica Beatriz Rubio, CEO da Remax.

A mediadora notou a queda no balanço de 2016 segundo ela. Em matéria para a Lusa, Beatriz afirmou que a Remax baixou as transações em função dos Vistos Gold de 1,4% para 0,7% do total. A ERA também reconhece que o programa pode gerar um lucro significativo e a injeção de mais euros no mercado. Miguel Poisson, diretor geral da ERA, esclarece que apesar de tudo o regime fiscal para residentes não-habituais tem vindo a despertar o interesse de estrangeiros da própria União Europeia.

A Century 21 tem feito a mesma aposta. “Dado que o fator proximidade geográfica faz com que esta tipologia de clientes tenha uma maior apetência pelo investimento imobiliário, no nosso fantástico país”, acrescentou Ricardo Sousa, administrador da mediadora.

Os países com maior número de Vistos Gold atribuídos são: China (3.411), Brasil (411), África do Sul (189), Rússia (174) e Líbano (100).

Adicionar comentário

Clique aqui para comentar

Your email address will not be published. Required fields are marked *